CartaCampinas
Tag Archives: poesia

(imagem: waldryano cc ed) .Por  Eduardo de Paula Barreto. É muito triste ter de admitir Que o mal reina neste Planeta E que todos insistem em mentir Como sinal de submissão ao capeta Que se manifesta nas falsidades Nas vãs promessas e deslealdade E...

pinterest.com .Por Luís Fernando Praga. Nem mais um pio!Por ódio do canarinhoO pardal quer tudo pardoE se consome sozinho,Com tanto pardal do lado…Tentou proibir o gorjeio,Truculento, frio, fera!Mas sente muito receioDo voo e...

(foto: ignatsevichserg cc) .Por Eduardo de Paula Barreto. Sou um poeta brancoDe consciência negraPorque os negros prantosTambém regam minhas letrasE porque o sal do meu suorTem a mesma corDo sal que escorreSobre a pele escuraQue como...

.Por Eduardo de Paula Barreto. Na essência toda água é pura E quando salta das alturas Numa desconhecida jornada Ao cair num rio se torna doce Mas caso o mar dela se aposse A pura água fica salgada. . Somos água pura na essência E ao...

(imagem quince media cc) .Por Eduardo de Paula Barreto. Surgem levianas palavras E olhares convincentes Da pessoa que é admirada Por multidões de inocentes Que veem no que escutam A salvação que buscam Para a sociedade decadente. . Creem...

(imagem ricinator cc) .Por Eduardo de Paula Barreto. O ladrão sai de madrugada Sem arma na mão Caminhando nas calçadas Ninguém diz que é ladrão E encontra uma residência Sem a presença De nenhum morador Então com habilidade...

(foto bruno costa e silva cc) .Por Eduardo de Paula Barreto. Acordei bem cedinho E vi com olhos tristes Que colocaram passarinhos Para cuidar do alpiste E puseram madeireiros Egoístas e carniceiros Para proteger os índios E convidaram carunchos Para...

(foto bruno costa silva cc) .Por Eduardo de Paula Barreto. Deixe-os deitados nas redes No aconchego das ocas Sonhando com as verdes Folhas de mandioca Deixe-os correr pelados Com os pés enlameados Com o húmus da floresta Deixe-os...

Em São Paulo – No dia 28 fevereiro, quinta-feira, o Sesc Avenida Paulista recebe a Casa Vulgar, coletivo de artistas formado por poetas, escritores e músicos, para apresentar Amor em VIII Atos. Esta apresentação...

(imagem pezibear cc) .Por Eduardo de Paula Barreto. São tantas as coisas belas Que bela deixam minha vida Vão-se as trancas da janela E por ela entram margaridas Que do quarto fazem jardim E eu parto para dentro de mim Vivendo sonhos perfumados Em...