CartaCampinas
Category Archives: Ideias e Prosas

.Por Roberto Ravagnani. O trabalho voluntário ou engajamento social traz tantas oportunidades que é possível escrever um livro sobre elas, isso é uma ideia, hummm. (foto suc cc) Sim, seria possível escrever muitas páginas com...

(imagem: mssandersmusic cc) .Por Eduardo de Paula Barreto. O planeta Terra carece De urgente renovação Para que assim se quebre Todo e qualquer grilhão Que nos tem escravizado E assim inviabilizado A nossa evolução Porque o tempo presente É...

(imagem geralt cc) .Por Eduardo de Paula Barreto. Moralistas sem moral Capitalistas sem dinheiro Caridosos que não sabem qual É a carência dos companheiros Religiosos sem disposição Para amar sem discriminação Quem pensa diferente E patriotas...

(imagem: waldryano cc ed) .Por  Eduardo de Paula Barreto. É muito triste ter de admitir Que o mal reina neste Planeta E que todos insistem em mentir Como sinal de submissão ao capeta Que se manifesta nas falsidades Nas vãs promessas e deslealdade E...

twitter.com .Por Luís Fernando Praga. A culpa é uma tremenda invenção! Ela deve ter origem tão longínqua quanto as ideias de pecado e justiça. Já o sentimento de culpa, o remorso, que nasceu antes da invenção da palavra culpa,...

pinterest.com .Por Luís Fernando Praga. Nem mais um pio!Por ódio do canarinhoO pardal quer tudo pardoE se consome sozinho,Com tanto pardal do lado…Tentou proibir o gorjeio,Truculento, frio, fera!Mas sente muito receioDo voo e...

(foto: ignatsevichserg cc) .Por Eduardo de Paula Barreto. Sou um poeta brancoDe consciência negraPorque os negros prantosTambém regam minhas letrasE porque o sal do meu suorTem a mesma corDo sal que escorreSobre a pele escuraQue como...

.Por Eduardo de Paula Barreto. Na essência toda água é pura E quando salta das alturas Numa desconhecida jornada Ao cair num rio se torna doce Mas caso o mar dela se aposse A pura água fica salgada. . Somos água pura na essência E ao...

.Por Roberto Ravagnani. Diz a lenda que o ano efetivamente começa depois da festa de Momo, pois bem a festa, que no meu entendimento e concepção não se comemora nada e não tem o menor sentido, enfim acabou e agora talvez possamos começar...

(imagem quince media cc) .Por Eduardo de Paula Barreto. Surgem levianas palavras E olhares convincentes Da pessoa que é admirada Por multidões de inocentes Que veem no que escutam A salvação que buscam Para a sociedade decadente. . Creem...