CartaCampinas
Category Archives: Ideias e Prosas

Se essa rua, se essa lua, se essa luta: comunhão da cidade renascida .Por Francisco Foot Hardman. De Pequim Pequim ensaia sua volta à normalidade, depois de mais de dois meses de semi-confinamento. A primavera chegou com tudo e a...

.Por Roberto Ravagnani. O voluntariado tem uma força incalculável, mesmo nesta etapa da humanidade que passamos, uma das piores pandemias que o mundo moderno já viu, o trabalho voluntario tem sido chamado a mostrar seu valor. (foto...

.Por Alexandre Oliva. Enquanto Covid-19 corre solto por aí, não canso de me desapontar com autoridades que ousam desafiar o método científico. Vírus não quer saber de narrativas oficiais, não é vulnerável a bullying, não pode ser...

Somos ondas do mesmo mar e um povo lindo surge das ladeiras .Por Francisco Foot Hardman. De Pequim Estamos ou não estamos no mesmo barco? Somente estúpidos, exterminadores do presente e espíritos do mal podem apontar para sentido...

.Por Roberto Ravagnani. O voluntário já é resiliente e sairá desta crise com certeza, muito mais. Em crises temos algumas possibilidades, uma delas é se entregar, ficar à deriva, lamentar e esperar o virá por acontecer, outra possibilidade...

Por uma outra globalização: Krenak e Milton Santos pedem passagem . Por Francisco Foot Hardman. De Pequim Pois é: o mundo gira, e rápido. Quando a epidemia virou realidade tangível nacionalmente aqui na China, em seu ritmo exponencial...

.Por Eduardo de Paula Barreto. Agem com soberba Se sentem superiores Discriminam a pobreza As diferenças e as cores Fazem das mãos Arminhas de ficção Que simulam tiros Mas não podem deter O imenso poder De um minúsculo vírus. . Ignoram...

.Por Luís Fernando Praga. A Pandemia de Coronavírus pode quebrar a economia de um país! Entretanto, no caso do Brasil, precisamos nos livrar, antes de tudo, de uma epidemia mais antiga e perigosa, a epidemia de cegueira: O vírus...

(imagem yale law library – ccl) .Por Eduardo de Paula Barreto. Os ignorantes e as corporações Pavimentaram os descaminhos Conclamando as multidões Para construírem um ninho E nele botaram um ovo Que logo ficou choco Sob os glúteos...

.Por Roberto Ravagnani. Com meus 53 anos, é a primeira vez que vejo o mundo desta forma, não poderia me furtar e falar sobre o pânico mundial do Novo Corona Vírus, mas espero não ter uma fala alarmista e sim esperançoso ou perto disso. (foto...