CartaCampinas
Category Archives: Carta DiVersus

Paródia de “O Quereres”, de Caetano Veloso .Por Alexandre Oliva. Onde queres revólver, sou escola Onde queres a bola, sou o pé Onde queres a bota, sou chinelo Onde queres submissa, sou mulher Onde queres família, mãe solteira Onde...

.Por Eduardo de Paula Barreto. . Vejo soldados marchando Com postura autoritária Calando-nos quando falamos Com mordaças e mortalhas E choramos por sabermos Que muitos de nós elegemos O ‘ele não’ e o caboclo Que com discurso de bala Jogam...

.Por Eduardo de Paula Barreto. . Os idealizadores do golpe Que quase feriu de morte A nossa democracia Não aceitarão conformados Que os que foram golpeados Voltem ao Planalto um dia. . O objetivo dos golpistas É inibir o ideal progressista Para...

.Por Eduardo de Paula Barreto. Para a instituição do Estado Democrático Visando assegurar os direitos individuais Foi promulgado o mais importante pacto Como baliza das relações sociais Segurança, bem-estar, liberdade Desenvolvimento,...

.Por Eduardo de Paula Barreto. Quem é de direita é destro Quem é de esquerda é canhoto Uns querem o Estado magrelo Outros querem o Estado gordo E quem fica no meio-termo Se afastando dos extremos Se diz adepto do centro Enquanto...

.Por Eduardo de Paula Barreto. Aqui estou eu neste domingo Deitado numa rede no meu quarto Olhando ao longe o mais lindo Céu azul que transforma em retrato O centro da imensa São Paulo Cujo ritmo mais calmo Me induz à reflexão Sobre o nosso...

.Por Luís Fernando Praga. Não são zumbis, espectros, demônios; não é um meteoro o nosso algoz; num fim dos tempos dos piores sonhos, quem já nos aniquila somos nós… A cada dia um golpe açoita o povo e uma injustiça empesteia...

.Por Luís Fernando Praga. Que poder te faz tão alucinado E faz a fé ferver teu sangue em ira? Que, parvo, bem te orgulhas do teu brado: “O cativeiro é meu, daqui ninguém me tira!” E teu viver… é vida de verdade? Ou vaza pelo...

.Por Eduardo de Paula Barreto. . Aprisionaram o homem Que tirou do mapa da fome O futuro da sociedade Mas Lula prefere a prisão Do que trocar a libertação Pela sua dignidade. . Sem culpa o condenaram E assim transformaram A Justiça em partido...

.Por Eduardo de Paula Barreto. . As quatro estações do ano Não se adaptam aos panos Que habitam o meu armário Elas vêm implacavelmente E eu humildemente Adapto o meu vestuário. . Trata-se de um absurdo Esperar que o mundo Se adapte a...