Em São Paulo – De 18 de setembro a 15 de dezembro de 2019, poderá ser vista na Galeria de Arte do Centro Cultural Fiesp, em São Paulo, a exposição “Alphonse Mucha: o legado da Art Nouveau”, com curadoria de Tomoko Sato e Ania Rodriguez.

A exposição traz ao público brasileiro a obra de Alphonse Mucha (1860-1939), um dos artistas mais destacados da virada do século XIX na Europa e o principal expoente do movimento Art Nouveau.

São cerca de 100 obras, provenientes da Fundação Mucha, em Praga, e de outras coleções internacionais que compõem a primeira exposição do artista tcheco no Brasil, entre cartazes, desenhos, pinturas, gravuras, objetos, livros e fotografias, que percorrem a obra do artista e também sua influência no mundo contemporâneo.

A mostra abarca quatro seções temáticas: Mulheres – Ícones e Musas, O estilo Mucha – Uma linguagem visual, A beleza – O poder da inspiração e Continuidade do ‘estilo Mucha’, que por sua vez inclui a interpretação do legado do artista na forma de posters psicodélicos dos anos 1970 e nas ilustrações de mangá e outras histórias em quadrinhos. (Carta Campinas com informações de divulgação)

Alphonse Mucha: o legado da Art Nouveau
Curadoria de Tomoko Sato e Ania Rodriguez
Período: de 18 de setembro a 15 de dezembro de 2019
Horários: terça a sábado, das 10h às 22h, e domingos, das 10h às 20h
Local: Galeria de Arte do Centro Cultural Fiesp
Endereço: Avenida Paulista, 1313 (em frente à estação Trianon-Masp do Metrô)
Classificação indicativa: livre
Agendamentos escolares e de grupos:ccfagendamentos@sesisp.org.br
Entrada gratuita