O cineclube Outubro em parceria com o Museu da Imagem e do Som de Campinas (MIS) e o Centro de Formação, Tecnologia e Pesquisa da Rede Municipal de Ensino de Campinas (CEFORTEPE) realizará no segundo semestre de 2019 o curso “Introdução à História do Cinema Brasileiro”.

Limite, de Mário Peixoto

As inscrições são gratuitas e haverá certificação para frequência mínima de 75% das aulas.

Responsáveis: Professores Orestes Augusto Toledo e Sônia Regina Ferreira de Oliveira.

Ementa:  Este curso é fruto de uma parceria entre o Programa ”Cinema & Educação – a experiência do cinema na escola de educação básica municipal”, o Museu da Imagem e do Som/Campinas e o Cineclube Outubro. Tratará da produção cinematográfica brasileira, das origens ao final da década de 1960. Abordará aspectos da linguagem e estética que marcaram o cinema mudo, as experiências dos estúdios entre as décadas de 1930 e 1950, o cinema novo e o cinema marginal. A cada encontro será exibido e discutido um filme.

Carga Horária Total: 64 horas

Carga Horária Semanal: 4h, sendo 3h presenciais e 1h não presencial

Nº de Encontros: 16

N° Vagas: 40 

Obs. 20 vagas são reservadas para os profissionais da Secretaria Municipal de Educação de Campinas e as inscrições serão feitas conforme publicação em DOM a ser realizada pelo Cefortepe. As demais vagas (20) serão abertas a outros interessados e as inscrições serão feitas através do link abaixo.  Neste caso, se o número de inscritos exceder o limite estabelecido, a prioridade será para os associados das entidades parceiras ou ativistas dos movimentos sociais com interesse em trabalhar com cineclubes.

Dia e Horário: 3ª feira, das 19h às 22h

Início:  6 de agosto

Local: MIS Campinas (Rua Regente Feijó, nº 859 – Centro)

Período de inscrições: 17 de junho a 15 de julho  

Link para inscrições: https://docs.google.com/forms/d/19XeyXBCZkNOGZb-uRIAS8_kIEEPFIbBeCJ-YeqK2n6Q/viewform?edit_requested=true

Confirmação de selecionados: 23 de julho

Mais informações no e-mail: cineclubeoutubro@gmail.com

Cronograma:

DataAssuntoFilme
6/8IntroduçãoPanorama do Cinema Brasileiro
13/8Cinema MudoBrasa Dormida (Humberto Mauro, 1928, 120 min)
20/8Cinema MudoLimite (Mario Peixoto, 1931, 120 min)
27/8A Era dos Estúdios – CinédiaLábios sem beijos (Humberto Mauro, 1930, 56 min)
3/9A Era dos Estúdios – CinédiaAlô, alô carnaval (Adhemar Gonzaga, 1936, 80 min)
10/9A Era dos Estúdios – AtlântidaNem Sansão nem Dalila (Carlos Manga, 1954, 90min)
17/9A Era dos Estúdios – Vera CruzCaiçara (Adolfo Celi, Tom Payne e John Waterhouse., 1950, 92 min)
24/9Anos cinquenta: precursores do cinema novoRio 40 graus (Nelson Pereira dos Santos, 1954, 100 min)
1/10Anos cinquenta: precursores do cinema novoO grande momento (Roberto Santos, 1958, 80 min)
8/10Cinema NovoVidas Secas (Nelson Pereira dos Santos, 1964, 104 min)
15/10Cinema NovoDeus e o diabo na terra do sol (Glauber Rocha, 1964, 110 min)
22/10Cinema NovoOs Fuzis (Ruy Guerra, 1965, 120 min)
29/10Cinema MarginalO bandido da luz vermelha (Rogério Sganzerla, 1968, 92 min)
5/11Cinema MarginalMatou a família e foi ao cinema (Júlio Bressane, 1970, 80 min)
12/11A lei 13.006/2014 e o cinema na escola
19/11O cinema brasileiro dos anos 70 à Retomada.

Referências Bibliográficas

FRESQUET, A. (org). Cinema e educação: A Lei 13.006/2014. Reflexões, perspectivas e propostas. Rede Kino, 2015. Disponível em http://www.redekino.com.br/pesquisa/cinema-e-educacao-a-lei-13-006-reflexoes-perspectivas-e-propostas/

LEITE, S. F. Cinema Brasileiro, das origens à retomada. São Paulo: Editora Perseu Abramo, 2005.                                                                                    

Promoção: Cineclube Outubro/MIS Campinas e CEFORTEPE (Centro de Formação, Tecnologia e Pesquisa em Educação da Secretaria Municipal de Educação de Campinas)
 Parcerias: Fundação Maurício Grabois (FMG); Sindicato dos Professores de Campinas e Região (SINPRO); Associação dos Professores da PUCC (APROPUCC); Associação dos Docentes da Unicamp (Adunicamp); Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (APEOESP); Sindicatos dos Trabalhadores da Unicamp (STU).

(Carta Campinas com informações de divulgação)