14706951_10205514210933823_8871696521596188133_o-640x425No dia 20 de outubro, quinta- feira, às 19h, acontece a abertura da exposição “E do teu ventre nascerão novos mundos, e deles, novos ventres” de Genivaldo Amorim.

O artista visual de Valinhos-Sp apresenta na exposição uma série de trabalhos e projetos não finalizados, que ainda estão em alguma fase de desenvolvimento, e vão se desdobrar em alguma, ou algumas, etapas futuras. É como se a galeria se transformasse em um grande útero, cheio de obras em gestação. A maioria das obras serão apresentadas ao público pela primeira vez, algumas ainda em fase de estudos, como as maquetes de “Para Armstrong”, uma obra que terá mais de 200 metros quadrados ou a instalação “Así en la tierra como en el Cielo”, ambas feitas em azulejos, outras já em estágios mais avançados, como as peças já esculpidas do projeto “Eternal repose for my bodies”, que culminará com a deposição de sete pequenas esculturas em bronze no ponto mais profundo do planeta, nas Fossas das Marianas, no Oceano Pacífico, a quase 11 mil metros de profundidade, e “Lambedoras”, esculturas em forma de línguas, que serão fundidas posteriormente em sabonetes vermelhos. Será apresentado também a primeira das 93 peças do projeto “Coccons”, grandes pinturas em forma de edredons que futuramente serão usados numa ação com moradores de rua.

Também pela primeira vez será apresentado ao público os primeiros resultados dos desdobramentos realizados aqui no Brasil com as peças da instalação “Bicho de corpo mole, mas de pele boa” montada na exposição SKIN apresentada em 2015 na National Art Gallery em Windhoek, capital da Namíbia. Ao final da exposição, todas as peças que compunham a instalação, uma espécie de bicho feito de tecido pintado, foram trazidos de volta e distribuídos a artistas, estilistas, estudantes de moda para que criassem roupas com esse material. Três dessas roupas, criadas por Beatriz Oliveira, Tamires Franco e por alunas do curso de moda da Faculdade ESAMC de Campinas, foram usadas em um ensaio fotográfico feito pela fotógrafa Chris Day com modelos vestindo as peças. Também como resultado do mesmo projeto serão exibidos trabalhos de duas artistas visuais, fotos de uma videoperformance de Thatiana Cardoso, de São Bernardo do Campo e um trabalho em GIFperformance feito por Cacau Torres, de Campinas.

Dentro das atividades da exposição ocorrerá no dia 12 de novembro às 15 horas uma conversa com o artista sobre processo criativo e produção de trabalhos em Artes Visuais.

Todas as atividades são gratuitas.

A exposição fica aberta à visitação até 11 de novembro, de terça à sexta das 15h às 19h, agendamento de visitas de escolas e afins somente por telefone ou email.

Este projeto faz parte da proposta selecionada via Edital PROAC 38|2015 Território das Artes I. (Carta Campinas com informações de divulgação)

No AT | AL 609 – lugar de investigações artísticas
Localizado:
Rua Antônio Lapa, 609- Cambuí
Campinas-SP
mais informações:
www.at-al-609.art.br
lugardeinvestigacoes@gmail.com
ou pelo telefone (19) 3201.2009